Disney admite o erro de ter “Star Wars” todos os anos

É gente, a Disney tem repensado bastante suas estratégias e dessa vez sobrou pra Star Wars. É que o presidente do grupo, Bob Iger reconheceu que foi um erro lançar um capítulo todos os anos e a empresa planeja diminuir a velocidade no número de estreias.

“Tomei uma decisão sobre o cronograma (de estreias) e agora, quando olho para trás, vejo que cometi um erro, e assumo a culpa. Fui um pouco rápido demais”, disse Iger ao site “Hollywood Reporter” em entrevista publicada nesta quinta-feira (20).

“Podem esperar uma desaceleração, mas não significa que deixaremos de fazer filmes”.

A verdade é que o último filme “Han Solo: uma história Star Wars” foi um total fracasso rendendo uma bilheteria de US$400 milhões (o que seria cerca de R$ 1,6 bilhão) em todo o mundo, o que fez com que eles pensassem sobre o esgotamento da história. O próximo filme da saga original de Star Wars, o episódio IX, está previsto para dezembro de 2019.
A Lucasfilm, que foi comprada pela Disney em 2012, anunciou em fevereiro que os criadores de “Game of Thrones” realizarão uma nova trilogia sobre a épica guerra espacial. Os filmes de David Benioff e D.B. Weiss se distanciarão da trama principal da família Skywalker e da nova trilogia que será desenvolvida por Rian Johnson, o roteirista e diretor de “Star Wars: os últimos Jedi”.

“Estamos em um ponto em que vamos começar a tomar decisões sobre o que virá. Mas acho que seremos mais cuidadosos com o volume e o espaço de tempo”, disse o executivo.

Então gente, vamos combinar que Solo foi um filme fraquíssimo perto dos outros parecia realmente que era pra tampar buraco entre os filmes principais. A Disney precisa tomar muito cuidado quando se trata de um conteúdo nostálgico e que sempre foi muita referência de tecnologia, porque os mesmos fãs que estão aqui pra lotar as salas de cinema, falar super bem da história e comprar monte de produtos dos filmes são os mesmos que vão criticar e podem boicotar qualquer coisa que não tenha a ver com o conteúdo original.

Vale repensar realmente a qualidade desses filmes e criar algo que seja interessante, é um universo GIGANTESCO, não é por falta de assunto que não teríamos novos filmes e histórias. E vocês? O que acharam dessa decisão? A Disney deve mesmo segurar um pouco para lançar os filmes ou deve pensar antes de criar uma história pra que fosse algo realmente relevante para os fãs? Deixe seu comentário abaixo!

Fonte: G1 e Hollywood Reporter

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *